Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Colnago destaca importância da interação entre bancos de dados do governo federal

Notícias

Colnago destaca importância da interação entre bancos de dados do governo federal

Ministro mostra que compartilhamento de informações fortalece e aprimora políticas públicas

publicado: 29/06/2018 14h42 última modificação: 29/06/2018 15h39

O novo Portal da Transparência foi lançado nesta quinta-feira (28), no auditório do Conselho Federal da OAB. O portal passou por vários aperfeiçoamentos para facilitar o acompanhamento, de forma mais simples e ampla, dos gastos públicos federais.

As mudanças facilitaram a integração entre as consultas e as diversas bases de dados, melhoraram as opções de busca de informações, a visualização e comparação em gráficos, a usabilidade e a linguagem.

O ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Esteves Colnago, participou do lançamento e ressaltou os esforços para ampliar a transparência na alocação de recursos públicos. “Essa é uma agenda que vem sendo empreendida fortemente pela Controladoria-Geral da União e tem o apoio do Ministério do Planejamento”.

Com bases governamentais integradas, o Portal traz novo conceito de navegação modular, permitindo novas formas de buscar, visualizar e agregar informações.

Ao acessar dados de um ministério, por exemplo, o usuário encontra em uma única página os gastos diretos, despesas com pessoal, valores e modalidades de contratação, principais fornecedores, entre outros.

Durante o lançamento, Colnago destacou o empenho do governo em melhorar os serviços oferecidos à sociedade e ampliar a interoperabilidade entre os bancos de dados dos órgãos públicos. O compartilhamento de informações entre essas bases mantém as informações atualizadas e contribui para fiscalização e melhoria das políticas públicas.

“Ainda há uma dificuldade grande dentro do próprio governo para que os gestores entendam que o banco de dados que administram não é seu. É preciso entender que aquele banco é do governo, não é do setor ou do órgão. É um banco de dados da sociedade”, sublinhou o ministro.

De acordo com o ministro, essa cooperação permite identificar se os recursos alocados em programas sociais estão atingindo o público certo ou se é necessária uma revisão.

MAIS TRANSPARÊNCIA

Entre as ações do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão para ampliar a transparência de alocação de recursos públicos está a disponibilização à sociedade de uma série de painéis online com informações simplificadas sobre obras, licitações, compras públicas, transferências de recursos, dados estatísticos de pessoal entre outras. 

O Ministério promoveu melhoria do acesso aos serviços públicos digitais via Portal de Serviços do Governo Federal, que possibilitou à sociedade acompanhar os principais indicadores de desempenho de mais de 1.600 serviços oferecidos. 

Em parceria com a Controladoria Geral da União (CGU), foi criado o canal Simplifique!, que desde janeiro permite ao cidadão se manifestar acerca de melhores formas para aperfeiçoar os serviços públicos. 

Fonte: reprodução site Ministério Planejamento, Desenvolvimento e Gestão.